Nós, Cidadãos! propõe gabinete de apoio a empresários de Viana do Castelo – Observador – [Blog da Solange Pereira]

A candidata do Nós, Cidadãos! à presidência da Câmara de Viana do Castelo propôs esta quarta-feira a criação de um gabinete municipal de apoio ao empresário, que trabalhará “em articulação com as entidades e associações já existentes no concelho”.

“Este gabinete prestará mais apoio às empresas, atraindo investimento sustentável, apostando fortemente nos clusters económicos locais, nomeadamente na economia do mar e outras tipos de economia com base territorial”, afirmou esta quarta-feira à agência Lusa Paula Veiga.

A cabeça de lista do Nós Cidadãos!, que falava no final de uma reunião com a Associação Empresarial de Viana do Castelo (AEVC), especificou que o concelho “tem grande tradição na ourivesaria, na louça regional, nos trajes, nos bordados, no artesanato ligado a usos e costumes (…) e em atividades económicas típicas, que foram desaparecendo por falta de incentivo”.

“É importante recuperar todo esse valor que foi perdido, potenciando-o, dando-lhes apoio”, defendeu.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Para Paula Veiga, “na sequência da atual crise económica, é fundamental revitalizar a atividade económica, com enfoque na dinamização de programas de implantação de empresas e de criação de emprego mais duradouro e bem remunerado”.

“Para a eficácia destas medidas é fundamental a articulação com a oferta educativa e formativa, criando um Centro de Excelência local, com a participação do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) e da Universidade do Minho (UM)”, disse.

“Já perspetivando a criação de um polo local da UM tudo seria potenciado e teríamos excelentes condições para fomentar mais empresas, emprego e mais desenvolvimento economia. É uma aposta forte da nossa candidatura na nossa tipologia de económica local”, insistiu.

Além de Paula Veiga (Nós, Cidadãos!), concorrem nas eleições de domingo à presidência da Câmara de Viana do Castelo Luís Nobre (PS), Eduardo Teixeira (PSD/CDS-PP), Cláudia Marinho (CDU), Jorge Teixeira (Bloco de Esquerda), Rui Martins (Aliança), Maurício Antunes da Silva (Iniciativa Liberal) e Cristina Miranda (Chega).

Nas autárquicas de 2017, o PS conquistou 53,68% dos votos e garantiu seis mandatos. O PSD atingiu os 21,25% (dois mandatos) e a CDU (PCP/PEV) alcançou 8,11% (um eleito).



Por , em 2021-09-22 09:58:09


Todos os direitos reservados do texto e imagens para Fonte observador.pt



Clique aqui e ver mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora tuganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário