Turismo: Estado presta assessoria aos municpios para parcerias na promoo do turismo sustentvel – [Blog da Solange Pereira]

A Superintendência Geral de Parcerias (SGPAR), órgão da Secretaria do estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest), iniciou nesta semana uma série de diálogos com os municipios com o objetivo de esclarecer o Programa de Parcerias do Paraná (PAR). As reuniões ocorreram de forma online com os municipios de Sapopema e Colombo.


A SGPAR mostrou como o programa do estado pode contribuir na ampliação de investimentos para garantir mais eficiência e qualidade aos serviços para a população. A proposta do Estado é promover o desenvolvimento dos municipios, especialmente na promoção do turismo sustentável.


“Este canal de diálogo direto com os municipios será cada vez mais fortalecido para esclarecer como funcionam todos os trâmites para a viabilidade da Parceria Público-Privada”, disse o superintendente-geral da SGPAR, Ágide Meneguette.


Uma ppp funciona em contrato celebrado entre três esferas: o poder público, o setor privado e o cidadão, em que todos são beneficiados. “A SGPAR presta assessoramento ao Governo do Estado na eficiência e transparência de projetos”, disse Meneguette.


Os projetos devem apresentar benefícios para a população, ter impacto social, viabilidade habilidade, atratividade econômica e ser compatível com o Plano de Governo.




PROCESSOS – Para idealizar um projeto de parceria, os interessados devem entrar em contato com a SGPAR e apresentar um pré-projeto que entrará, então, na fase de estruturação, na qual serão desenvolvidos os estudos de viabilidade e a modelagem da parceria.


Após essa etapa o projeto é novamente encaminhado para aprovação e, se aceito, inicia a chamada fase externa, com consulta e audiência pública. A comunidade participa dando sugestões, opinando sobre suas necessidades e como o projeto pode ser eficiente na sua execução.


SAPOPEMA – O municipio de Sapopema possui seis Reservas Particulares de Patrimônio Naturais (RPPNs), sendo apenas uma delas aberta à visitação pública: o Pico do Agudo. A área tem um grande volume de visitantes, inclusive de outras regiões do Brasil e do globo.


A orientação é para que a prefeitura busque estreitar a relação com os proprietários do empreendimento, em busca de parceria para alavancar o turismo sustentável da região.




Para o secretário municipal de Turismo e Meio Ambiente, Jonas Godeny, poder contar com uma estrutura dentro do Governo do Estado é importante para colocar em prática planos para o setor. “A princípio, em uma primeira conversa, acho que é algo que pode render bons trabalhos. Vamos estudar melhor as ações em RPPNs e outras áreas do municipio. Todo apoio na área do turismo é interessante”, afirmou.


O municipio também foi orientado a buscar as atividades econômicas regionais, como artesanato, culinária local e produtos que possam gerar renda e desenvolvimento.


COLOMBO – Colombo abriga o Parque Municipal Gruta do Bacaetava, área mencionada pela prefeitura na reunião com a SGPAR. O local já possui estrutura de visitação e em breve vai contar com uma lanchonete e uma loja para comercialização de produtos regionais.




A gruta reabriu em fevereiro deste ano para visitação pública e já recebeu mais de 9 mil visitantes. Colombo ainda conta com o Parque Municipal Bosque da Uva, sede da tradicional Festa da Uva; o Morro da Cruz, voltado para o turismo religioso; e o Circuito Italiano de Turismo Rural, que reúne as cantinas espalhadas pela região.

Por , em 2021-08-13 15:20:00


Todos os direitos reservados do texto e imagens para Fonte www.aen.pr.gov.br



Clique aqui e ver mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora tuganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário