Costura de aventais para profissionais da saúde gera renda para moradores do Novo Horizonte – [Blog da Solange Pereira]

Se não fosse a pandemia, a costureira Antonina Verônica Therezinha, 61 anos, estaria com sua máquina a todo vapor. Porém, o trabalho que acrescentava à sua aposentadoria foi decisivo para produção de aventais em TNT para os profissionais da Saúde de Jundiaí. Em ação articulada pela Rede Jundiaí de Cooperação, da Prefeitura de Jundiaí, costureiras da região do Novo Horizonte trabalharam na estrutura da Casa da Fonte e tiveram a remuneração feita por empresa parceira no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

“É muito gratificante saber que o meu trabalho está ajudando os profissionais da Saúde, que estão diariamente lidando com esse vírus. É uma sensação muito boa. Os aventais eram muito fáceis de costurar. Eu já tinha ajudado voluntariamente na confecção de máscaras que a Casa da Fonte doou para a nossa população do Novo Horizonte”, conta a mulher que chegava a costurar cerca de 130 aventais por dia, e recebeu mensalmente pelo serviço, de acordo com a produção realizada.

Os aventais estão em uso nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades Sentinelas (USs). “Os equipamentos de proteção individual são essenciais para a proteção aos servidores da saúde e aos pacientes. A qualidade do material recebido é excelente. Saber que a população, cada um com o seu talento, se mobiliza para ajudar a enfrentar o vírus, é um incentivo a mais para todos os profissionais que estão na linha de frente”, comenta a gestora adjunta da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) Dayane Martins.

A Casa da Fonte cedeu, entre agosto e dezembro, o espaço de sua oficina de costura e ajudou a viabilizar a remuneração dos cinco moradores, que fizeram cadastro como MEI (Microempreendedora Individual), a partir da contribuição da empresa Santa Angela Urbanização e Construções Ltda., que doou o serviço de costura dos 15 mil aventais à Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS). O TNT, que foi doado pela mesma empresa ao município, recebeu, anteriormente, o serviço de corte da empresa Liz.

Antonina Verônica Therezinha, costureira, se sente feliz por ajudar no combate à pandemia. (Foto: Divulgação/PMJ)

Ao todo, o grupo de costureiras moradoras do Jardim Novo Horizonte, produziu 15 mil aventais, que já estão em uso pelos profissionais das Unidades Básicas de Saúde e Unidades Sentinela para o suporte nos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) da equipe da linha de frente do atendimento aos casos suspeitos ou confirmados de COVID-19.

De acordo com o professor de corte e costura e operação de máquinas industriais da Casa da Fonte Antonio da Silva Lima, esta ação uniu o útil e o agradável. “A pandemia veio e deixou muita gente desempregada. A proposta da Casa da Fonte, com o projeto dos aventais pode ajudar as costureira e ganhar sua renda, além do prazer de poder ajudar nessa empreitada contra o Coronavírus”, avalia.

Costura de avental. (Foto: Divulgação/PMJ)

Professor Antonio destaca a importância da parceria para a geração de renda da população. (Foto: Divulgação/PMJ)

Parceiros

A articulação de todos os setores para viabilizar a costura dos 15 mil aventais foi realizada pela Rede Jundiaí de Cooperação, vinculada à Unidade de Governo e Finanças da Prefeitura de Jundiaí. Segundo o gestor da UGGF, José Antonio Parimoschi, a união de esforços, desde o início da pandemia, faz a diferença para a cidade. “A partir da participação da iniciativa privada e da sociedade civil, Jundiaí superou a escassez de insumos no mercado, garantiu a oferta de cestas básicas para as famílias em vulnerabilidade e afetadas pela pandemia, bem como distribuiu mais de 140 mil máscaras de tecido para a população. A construção positiva alcançada é exemplo para muitos projetos”, salienta.

A Santa Angela, construtora jundiaiense, foi a empresa que viabilizou a confecção dos aventais. De acordo com nota encaminhada pela assessoria de imprensa, a doação (TNT) foi feita por várias empresas do grupo e “a Construtora Santa Angela assumiu também os custos do trabalho para a costura que a Casa da Fonte conseguiu produzir e beneficiando, também, uma entidade importante para a cidade de Jundiaí”.

Com informações da assessoria de imprensa.



Por , em 2021-01-08 17:01:08


Fonte tribunadejundiai.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário