Relação entre moda, surrealismo e poéticas do corpo é tema de curso on-line – [Blog da Solange Pereira]

O ano de 2021 vai começar com curso inédito e on-line para os amantes de moda. Entre os dias 18 de janeiro e 10 de fevereiro, o Adelina Instituto traz mais um conteúdo ministrado pelo pesquisador Brunno Almeida Maia, sob o tema Imagens de desejo: Moda, Surrealismo e Poéticas do Corpo. A ideia é conceituar e traçar paralelos entre a moda, o surrealismo francês e as “noções modernas e contemporâneas do corpo e do erotismo”. Para isso, vestimentas, produções de arte, literatura e poesia serão objetos de análise.

Vem comigo saber mais!

Imagens de desejo, sonhos e utopia

O idealizador das aulas explica que a noção de imagens de desejo, sonhos e utopia aparece no trabalho filosófico de Walter Benjamin. O ensaísta e filósofo judeu-alemão fez uma análise para interpretar a composição do imaginário cultural da humanidade. Dentro da perspectiva do pensador, a moda, assim como poéticas e políticas do surrealismo, surge como uma “figuração de desejo”.

“A moda vai aparecer de diversas maneiras. Tanto ligada à questão das classes sociais como ligada à questão da mulher, da mercadoria, da revolução. Ela é exibida como uma das imagens de desejos, sonhos e utopias, porque lida com a criação de um desejo nas sociedades capitalistas”, aponta Brunno Almeida Maia à coluna. A própria alta-costura pode ser lida como um “lugar” que cria imagens de desejo, por ser voltada somente à elite.

O desejo, por sua vez, representa a falta, na tradição filosófica – é aquilo que mobiliza a própria existência. “Como isso se transpõe para a moda? A narrativa que aparece em vitrines, nos desfiles, editoriais, publicidade, cinema, vai prometer uma existência inteiramente diferente. Por conta das tendências serem cíclicas e mudarem a cada estação, é como se cada temporada prometesse algo para se cumprir, um novo desejo”, explica o professor e pesquisador.

Brunno salienta, inclusive, que Walter Benjamin não considera a moda como negativa ou positiva. “Ela pode ter uma dimensão positiva, a serviço da ação revolucionária, mas também uma dimensão negativa, no sentido de que ela é comandada pela classe dominante”, observa.

Brunno Almeida Maia
O pesquisador em filosofia Brunno Almeida Maia retorna com mais um curso de moda on-line pelo Adelina Instituto em janeiro de 2021, intitulado Imagens de desejo: Moda, Surrealismo e Poéticas do Corpo

 

Walter Benjamin (1892-1940)
O curso abordará as ideias de imagens de desejo, sonhos e utopia que aparecem no trabalho de Walter Benjamin (1892-1940), ensaísta e filósofo judeu-alemão

 

Desfile da Schiaparelli
Em sua análise, Walter Benjamin não considera a moda como negativa ou positiva, mas observa nela um potencial para ambos

 

Charles Frederich Worth
A alta-costura, criada pelo costureiro britânico Charles Frederick Worth (1825-1895), pode ser considerada um lugar que cria imagens de desejo

 

Moda x surrealismo x poéticas do corpo

O curso abordará, também, a relação entre a moda e o surrealismo. Isso será traçado a partir de obras de filósofos, escritores, poetas, artistas visuais e criadores de moda. A lista inclui, entre outros, nomes como o próprio Walter Benjamin, André Breton, Louis Aragon, Richard Martin e a estilista Elsa Schiaparelli, conhecida por abordar este movimento artístico em suas criações.

Uma forma de interpretar a relação entre o fashion e o surreal é observar as parcerias, sobretudo as de Schiaparelli com Salvador Dalí. A couturier italiana, radicada na França, fez releituras de criações surrealistas do pintor espanhol em suas peças. O chapéu com um sapato na cabeça, criado por ela, promove deslocamento de sentido – neste caso, relacionado à ideia ocidental de como se utilizar um calçado.

“Quando ela desloca esse sapato no chapéu, existe uma dimensão poética, porque é como se ela propusesse um olhar inteiramente novo para objetos que se tornaram banais”, explica Brunno Almeida Maia. “Tanto na poesia quanto nesse deslocamento de sentido que Schiaparelli faz, é como se ela estivesse desabituando nosso olhar para as coisas cotidianas.”

Outro tópico que compõe o conteúdo é o de poéticas do corpo. O curso analisará a forma como a vestimenta esconde e revela partes corporais, trazendo noções de pudor e despudor, carregando um certo tom de erotismo. A relação entre o corpo e a moda deve ser pensada porque tanto o corpo quanto a vestimenta têm a sua própria forma. Quando entram em contato, criam uma terceira figura, que é o corpo vestido.

Elsa Schiaparelli
A estilista italiana radicada na França Elsa Schiaparelli é uma das criadoras de moda surrealista que serão analisadas no curso

 

Chapéu com formato de sapato da grife Schiaparelli
Ela criou, por exemplo, este chapéu em formato de sapato, que subverte a ideia ocidental do uso do calçado

 

Salvador Dali
O pintor espanhol surrealista Salvador Dali (1904-1989) colaborou com Schiaparelli, que fez releituras de suas criações em peças de moda

 

Mulher modelando com chapéu Schiaparelli
As poéticas do corpo também serão um tema estudado

 

Informações sobre as aulas e o professor

As aulas ocorrerão por meio da plataforma Zoom entre as 19h e 21h de todas as segundas e quartas-feiras, entre os dias 18 de janeiro e 10 de fevereiro. As inscrições já estão abertas e são realizadas on-line, por meio do Sympla. Interessados podem se inscrever até o primeiro dia de aulas. O investimento é de R$ 350, valor que pode ser dividido em até 12 vezes. Mais informações estão disponíveis na página de inscrições.

Brunno Almeida Maia é pesquisador em filosofia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e desenvolve projeto sobre literatura e moda. O especialista mora na capital paulista e já esteve em Brasília para ministrar diferentes cursos. Entre eles, A Roupa e O Tempo: A Moda como Atualidade, organizado pela Caixa Cultural de Brasília; e Arte e Filosofia – Relações e Diálogos Para Criação, oferecido pela Fundação Armando Alvares Penteado (Faap). Além disso, cria conteúdos on-line periodicamente.

Entre janeiro e fevereiro, Brunno também lecionará o curso on-line O Tempo da Delicadeza: O Amor na Filosofia, no Cinema e na Literatura. As inscrições são gratuitas e serão feitas entre os dias 7 e 15 de janeiro, por meio do site oficinasculturais.org.br.


Colaborou Hebert Madeira

Por , em 2020-12-19 05:05:00


Fonte www.metropoles.com



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário