Jornal T – Leiper e Blanky lançam cobertor pesado inovador – [Blog da Solange Pereira]

Ricardo Parreira e Pedro Caseiro, fundadores da marca Blanky, acabam de fechar uma parceria com a fábrica guimaraneses da Leiper para a produção do primeiro cobertor pesado ‘made in Portugal’ – um produto têxtil inovador que até agora era apenas produzido em fabricas asiáticas.

Lançado o desafio da produção dos cobertores pesados à Leiper, a resposta foi imediatamente positiva, ainda que não houvesse qualquer tipo de experiência neste tipo de têxtil. “O nosso primeiro pensamento foi que se fábricas noutros países eram capazes de produzir um cobertor pesado, nós em Portugal também tínhamos que conseguir fazê-lo, por isso quisemos aprender mais sobre o processo de produção deste produto específico”, realça João Pereira, International Business Manager da Leiper.

“Trata-se de um produto que nunca sequer tínhamos visto em feiras especializadas do setor, por isso quando a marca nos desafiou, sentimos imediatamente que queríamos estar associados à produção de uma solução completamente inovadora no mercado têxtil, diversificando assim o portefólio do grupo”, explica João Pereira.

O desafio da produção é a fase de enchimento dos cobertores pesados com os grãos de areia de vidro tratado (que são o que confere o tal peso adicional aos cobertores Blanky), não só porque esta matéria-prima não era utilizada como enchimento noutros têxteis, mas também porque implicava que um procedimento que seria à partida totalmente automatizado na produção de um cobertor tradicional ou de um édredon, passasse a implicar uma componente muito mais manual.

Depois de concluída a fase de enchimento do cobertor Blanky, que tem no total sete camadas e é revestido de algodão puro, segue para uma máquina que costura o seu padrão específico (losangos com 10×10 cm) e vai então parar às mãos de uma costureira. É precisamente durante os acabamentos finais que surge o segundo grande desafio, devido ao peso extra do cobertor que dificulta o seu manuseamento. “Um cobertor normal pesa no máximo três quilos, os nossos vão desde os 4 aos 15 quilos, por isso os acabamentos são mais difíceis de fazer e levam mais algum tempo”, justifica Ricardo Parreira.

A marca Blanky nasceu em setembro deste ano, com um pé em Portugal e outro em Espanha, como o primeiro cobertor pesado ibérico, de utilização 100% segura, uma solução clinicamente comprovada, que utiliza a técnica Deep Touch Pressure (DTP) para melhorar a qualidade do sono. Em concreto, o peso extra dos cobertores relaxa o corpo à semelhança de uma massagem – efeito este que proporciona um sono mais descansado e tranquilo.



Por , em 2020-12-18 08:30:48


Fonte jornal-t.pt



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário