Ilustradores transformam arte em ação voluntária destinada à África – [Blog da Solange Pereira]

150 retratos ilustrados estão disponíveis pelo site da Fraternidade sem Fronteiras

Dezessete ilustradores uniram-se para o voluntariado com a ação Ilustra Fraterna. O trabalho do grupo está disponível desde o dia cinco de dezembro, no site da Organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras (FSF), com a produção de 150 retratos ilustrados.

A ação funcionará da seguinte maneira, as pessoas que desejarem ter um retrato ilustrado poderão acessar o site da FSF, escolher seu retrato e enviar uma foto de referência. Na sequência, o ilustrador irá fazer a produção de acordo com o estilo selecionado. Cada arte terá o prazo de até 90 dias para ser entregue. Cada ilustrador disponibilizará de 5 até 10 ilustrações. 

Ilustradores transformam arte em ação voluntária destinada à África

A iniciativa para a ação surgiu de Fred Hildebrand, morador de Campo Grande – MS, artista visual e voluntário da Fraternidade sem Fronteiras. “Estou sempre em busca de usar meu trabalho para ajudar em alguma ação beneficente. Adoro ilustrar e após conversar com minha esposa, surgiu a ideia dos retratos”, conta Fred. 

O voluntário trabalha há 15 anos com ilustração e após saber de uma nova comunidade em Madagascar com alto nível de desnutrição, Fred decidiu se mobilizar e junto com outros voluntários buscam contribuir com o projeto Ação Madagascar da FSF. “Todos nós temos algo que podemos compartilhar com o mundo a favor do bem, uma boa ação que seja diferença. Um pequeno movimento de bondade puxa o outro e assim podemos criar uma corrente que só tende a crescer”, explica Fred.

O lançamento do Ilustra Fraterna foi no dia cinco de dezembro, Dia Internacional do Voluntariado. As ilustrações terão um custo de 150 reais e toda a renda será revertida para o projeto Ação Madagascar. 

Sobre o Dia Internacional do Voluntário – A Organização das Nações Unidas instituiu o dia 5 de dezembro como Dia Internacional do Voluntário, em 1985. A intenção da ONU era promover ações de voluntariado em todas as esferas da sociedade, ao redor do mundo. Um bom modo de promover essas ações é refletir sobre elas. 

Projeto Ação Madagascar – A Fraternidade sem Fronteiras chegou à ilha de Madagascar, em fevereiro de 2017 e encontrou famílias vivendo na extrema miséria, sofrendo com a fome e a sede, sem também um mínimo de higiene. Sem acesso à água, as crianças tomam banho só quando chove e metade delas tem desnutrição aguda. As famílias vivem em casa muito precárias e a falta de higiene e desnutrição grave acarretam doenças como a teníase, neurocisticercose, bicho do pé, entre outras. Atualmente, são nove Centros de Acolhimento com atendimento a quatro mil crianças, principalmente no tratamento nutricional. Na cidade da Fraternidade são 100 casas construídas. Oferecemos projetos de: Biocarvão; Costura e Artesanato, Ferramentas de metal, Padaria, Produção de sabão e Agroecologia.

Sobre a Fraternidade sem Fronteiras – A FSF é uma Organização humanitária e Não-Governamental, com sede em Campo Grande (MS) e atuação brasileira e internacional. A instituição possui 53 polos de trabalho, mantém centros de acolhimento, oferece alimentação, saúde, formação profissionalizante, educação, cultivo sustentável, construção de casas e ainda, abraça projetos de crianças com microcefalia e doença rara. 

Todos os trabalhos são mantidos por meio de doações e principalmente pelo apadrinhamento. Com R$ 50 mensais é possível contribuir com um projeto e fazer a diferença na vida de muitas pessoas. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.fraternidadesemfronteiras.org.br.



Por , em 2020-12-08 19:45:32


Fonte www.enfoquems.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário