Costureira é vítima de feminicídio pelo ex-marido em Campo Maior – [Blog da Solange Pereira]

A costureira Lia Raquel de Carvalho, de 35 anos, foi vítima de feminicídio, às 18h de segunda-feira (7), em sua residência, onde foi encontrada morta com sinais de violência no interior da sua casa,  no bairro São João, em Campo Maior (82 km de Teresina.

Para a Polícia Civil, o principal suspeito é um ex-companheiro de Lia Raquel,  já que manteria com ela  um relacomento amoroso conturbado.

Lia Raquel foi encontrada morta por vizinhos e parentes, que passaram a desconfiar depois que ela não apareceu no trabalho e nem foi pegar um dos filhos na aula particular.  A casa da costureira Lia Raquel  foi arrombada e o seu corpo localizado no interior da casa, que tinha sinais de luta.

A costureira Lia Raquel de Carvalho, de 35 anos.

As Polícias Civil e Militar foram acionadas e chegando ao local confirmaram o homicídio. 

“Não sabemos ainda qual a arma utilizada para matá-la e nem qual a motivação, mas há fortes indícios de que se trata de um crime ligado a um relacionamento do passado, muito conturbado, que ela teve”, o chefe do Cartório da 5ª Delegacia da Polícia Civil,  Baker Martins.

Baker Martins falou  que não descarta também outras hipóteses para o crime como latrocínio, (roubo seguido de morte). 

Lia Raquel deixa três filhos ainda crianças.   A Perícia Criminal  e Instituto de Medicina Legal (IML) foram acionados para averiguar o corpo de Lia Rachel.



Por , em 2020-12-08 08:06:18


Fonte www.meionorte.com



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário