Ponta Porã tem recursos para investir mais em qualificação profissional – [Blog da Solange Pereira]

Com dotação reservada no Orçamento Universal do Estado por meio de uma emenda parlamentar do deputado estadual Gerson Evidente (Progressistas), o Executivo liberou e já depositou na conta bancária do FAC (Fundo de Esteio à Comunidade) de Ponta Porã R$ 80 milénio destinados ao Projeto “Mãos que Fazem”. A iniciativa, executada em parceria entre a prefeitura e o Senac (Serviço Pátrio de Aprendizagem Mercantil), atende aos pontaporanenses com cursos de qualificação profissional.

“Quando as pessoas que atuam no projeto foram me procurar e pedir espeque, de repentino ficou clara a prestígio de fortalecer um trabalho que capacita e tem cunho inclusivo e emancipista, porque qualifica as pessoas tanto para concorrer às vagas no mercado de trabalho porquê também fabricar seus próprios meios de geração de renda”, disse o deputado. Ele conta que o projeto já beneficiou mais de três milénio pessoas com cursos porquê os de golpe e costura, design de sobrancelhas, maquiagem, personal organizer, reforço escolar, vendas pela internet, empreendedorismo e artesanato em universal, entre outros.

AMPLIAÇÃO

Com os recursos, o FAC quer ampliar o alcance do projeto e fabricar outras modalidades de treinamento, ofertando gratuitamente cursos de culinária, incluindo panificação e doces finos. “Já temos uma cozinha disponível para esses cursos. A emenda veio em uma hora muito propícia, pois poderemos contratar profissionais com toda a estrutura e capacitar nossa população nesse momento tão quebradiço com a pandemia do Coronavírus”, acentua a primeira-dama de Ponta Porã, Vânia Peluffo, idealizadora do projeto.

Aline Lima, coordenadora do “Mãos que Fazem”, revela que mais de 30 cursos já foram oferecidos à população. “Em momento de vendas online e serviços de entrega em morada, receber novos recursos para treinar os trabalhadores é de grande prestígio para o projeto”, comemora. O prefeito Hélio Peluffo (PSDB) endossa: “Esse aporte financeiro para a qualificação profissional no município é um tanto muito significativo”.

“Poderemos supra de tudo ajudar as pessoas com a gestão de pequenos negócios, economia familiar, concordar a população a buscar novas fontes de renda neste momento. O recurso veio na hora certa, no momento que a gente mais precisava”, acrescentou Peluffo. Líder do Governo na Plenário Legislativa, Evidente ressaltou a prestígio de concordar os trabalhadores num momento em que a informalidade cresce por conta da pandemia.

Por , em 2020-08-14 16:07:00


Natividade www.folhacg.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário