Diário de Petrópolis – [Blog da Solange Pereira]

Edição:
quinta-feira, 30 de julho de 2020

Edição: quinta-feira, 30 de julho de 2020


  Cidade

 

Em 08 de março de cada ano é comemorado o Dia Internacional da Mulher. E é na semana desta celebração que iniciam as aulas do projeto social COMAC Costurando com Paixão – By Fátima Bastos. Leste ano foi dissemelhante: a Prefeitura de Petrópolis cancelou as comemorações do natalício da cidade e já tomava decisões preventivas para combater o problema que estava por vir. Com isso, a COMAC aguardou os acontecimentos e, seguindo as orientações das autoridades, não iniciou as atividades que aglomerassem pessoas. Postergando assim o início das aulas do curso de costura.

         O Brasil anunciava a pandemia pela COVID-19 e a premência do isolamento social, principalmente dos idosos. Com isso, Fátima Bastos, coordenadora do projeto COMAC Costurando com Paixão, que tem 71 anos, decidiu contribuir com aquilo que mais sabe e governanta fazer: costurar! Em abril, já em isolamento social em moradia, ela começou a produzir máscaras com tecidos que a COMAC tinha recebido em doação.

         Todo o processo de fabricação é feito pela Coordenadora:  compra, separa, seleciona e corta os tecidos, costura, lava, passa e embala cada uma das máscaras. De abril até julho, foram confeccionadas mais de 1.500 máscaras e, todas elas, seguem para as doações devidamente higienizadas – lavadas e passadas a ferro.

“Tenho mais de 70 anos, não poderia trespassar de moradia e colocar a minha vida e da minha família em risco, mas também, não iria conseguir permanecer paragem. Trabalho desde os meus 14 anos. Queria contribuir com o meu país e com a minha cidade neste momento tão difícil e encontrei na fabricação das máscaras uma forma de ajudar”, disse Fátima Bastos.

Também foram doadas 100 máscaras confeccionadas pelo projeto Usando o Muito, para a Guarda Social Municipal, através de uma intermediação do Instituto da Gaiato.

As máscaras estão sendo doadas, em sua maioria, para os colaboradores da COMAC, pois muito são idosos, que recebem em moradia a doação, que são levadas pelos mensageiros da COMAC. A expectativa é que 2.500 máscaras sejam confeccionadas e doadas até o final de agosto.

Edição:
quinta-feira, 30 de julho de 2020

Edição: quinta-feira, 30 de julho de 2020


Por , em 2020-07-30 00:15:43


Manancial www.diariodepetropolis.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário