Empreendedores criam máscaras compridas para barbudos – [Blog da Solange Pereira]

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A pandemia trouxe um novo dilema aos homens com barba longa, dessas que escapam das máscaras de proteção: porquê manter o visual e, ao mesmo tempo, se proteger do coronavírus? Pensando nisso, marcas desenvolveram acessórios mormente para atender esse público.

Lara Luiza Oliveira, 31, criou em abril a SoulNord, que vende máscaras longas. Designer de voga e dona de uma marca plus size, Lara viu seus negócios paralisarem com a pandemia.

A teoria de bolar o secundário veio com a demanda do nubente, Alessandro Delarissa, 35, um barbudo profissional: fundador de teor do dedo, ele é proprietário de um meato no Youtube onde aborda temas relacionados ao universo da barba.

O irmão de Lara, o designer gráfico Leandro Oliveira, 38, se uniu à empreitada, e os três, juntos, desenvolveram o primeiro protótipo.

Quatro tentativas depois, chegaram ao resultado final: uma máscara com três camadas de tecido, seguindo as recomendações da OMS (Organização Mundial de Saúde), sendo duas de viscose e uma de TNT, e longa o suficiente para deter até barbas mais abastadas.

Quando Alessandro publicou o resultado em seu Instagram, que reúne quase 45 milénio seguidores, as encomendas se multiplicaram. Foram 800 máscaras vendidas só em abril, no ecommerce de voga plus size de Lara. Ao verem que a demanda era grande, decidiram lançar a loja própria da marca.

O novo negócio conquistou uma base de milénio clientes, emprega o serviço de cinco costureiras e só nos primeiros vinte dias de julho faturou R$ 18,5 milénio com a venda das máscaras, que custam entre R$ 27 (lisas) e R$ 32 (estampada, com traçado de caveiras restrito).

Lara tem sido procurada para vender no atacado e planeja novos produtos, porquê bonés e camisetas, para lançar depois da pandemia.

“Virou um negócio sem a gente esperar. Vimos que os homens barbudos são um nicho de mercado”, diz a empreendedora.

Mineiro de Belo Horizonte, Rodrigo Normandia, 34, trabalha desde 2011 com esse público. Ele é proprietário da loja online Beard, especializada em cosméticos masculinos e outros produtos para o tratamento dos fios.

Com a pandemia, o empreendedor também teve a teoria de lançar uma máscara que cobrisse as barbas longas. “Muitos amigos e clientes estavam preocupados com a possibilidade se contaminar com o coronavírus e queriam tirar a barba. Pensei que poderíamos desenvolver um protótipo de máscara”, diz ele.

Com a ajuda da sogra, modista, começou a desenvolver os primeiros modelos, testados por ele e por amigos.

Foram 12 protótipos até chegar ao resultado final, uma máscara com duas camadas de tecido (algodão e TNT), que protege desde barbas curtas (4 cm) até longas (15 cm). No final de abril, Normandia colocou 300 itens à venda no site. Todo o estoque inicial foi comercializado em uma semana.

O empreendedor contratou o serviço de quatro costureiras e criou produtos com novas cores e estampas —muitos clientes queriam máscaras mais sóbrias para o dia a dia, e opções coloridas para o termo de semana.

Hoje, Rodrigo produz o secundário com sete estampas diferentes, que são comercializadas a R$ 20 no site. São milénio máscaras vendidas por semana, que já representam 30% do faturamento de sua loja.

“Além de proteção, a máscara se tornou um item de estilo e complementa a mensagem da roupa. Já é provável ver o secundário com estampas específicas que combinam com o estilo do proprietário”, diz Beatriz Damasceno, docente dos cursos de voga do Senac-SP.

Ela dá algumas dicas para os barbudos acertarem no visual. É importante escolher tons e estampas que combinem com as peças que a pessoa já tem no guarda-roupa, e cores neutras, porquê preto, branco, cinza, marrom e azul-marinho, são as mais versáteis. Outra dica é observar o envolvente de trabalho.

“Se for um lugar mais formal, porquê um banco, prefira deixar as máscaras engraçadas para o final de semana”, diz a consultora.

Uma vez que você avalia o teor que acabou ler?

Por , em 2020-07-24 01:45:00


Manancial www.folhadelondrina.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário