Jorge Bischoff e Instituto Proeza lançam tênis que beneficiam artesãs do DF – [Blog da Solange Pereira]

Linhas coloridas são coordenadas por agulhas para construírem palavras, imagens ou conceitos. O bordado adorna e constrói camadas multicoloridas em roupas e acessórios. A arte milenar foi escolhida para ser a base do projeto Bordado Solidário, resultado da parceria entre o Instituto Proeza e a marca Jorge Bischoff. O fruto da collab é um coleção de tênis personalizados com renda revertida para artesãs.

Vem comigo!

A risca exclusiva é composta por 40 tênis, que foram doados pela grife de sapatos Jorge Bischoff. Cada par ganha estampa multicolorida, confeccionada pelas mãos talentosas das artesãs atendidas pelo Instituto Proeza, organização fundada no Recanto das Emas. Além de colorirem os pés das clientes, as peças também dão novos tons à vida de quem faz segmento dessa história.

A ação recebe a curadoria do estilista Dudu Bertholini, que também acumula outras funções no currículo, uma vez que a de paraninfo da entidade e parceiro da grife de sapatos JB, em estratégias de informação. “É uma grande alegria poder contribuir com as mulheres que são detentoras dos nossos saberes ancestrais e incentivar a cultura e o artesanato brasiliano em um momento uma vez que esse”, comemorou Dudu Bertholini, em enviado.

O  lucro obtido com as vendas será repassado diretamente para a pessoa que deu forma ao bordado do resultado. Atualmente, o Instituto Proeza atende mulheres em situação de vulnerabilidade. “Juntas, elas tecem uma rede de troca, conhecimento, de remuneração e de autovalorização”, complementou o designer.

Projeto Bordado Solidário
A coleção beneficente é limitada, disponibilizando 40 pares de tênis

 

Projeto Bordado Solidário
O lucro das vendas do projeto Bordado Solidário será revertido para artesãs do DF

 

Projeto Bordado Solidário
A coleção colaborativa entrega quatro tipos de bordados

 

Projeto Bordado Solidário
Cada par será bordado com o padrão escolhido pela cliente

 

Com design moderno, os tênis possuem solado emborrachado reto na cor branca. O tecido colmeia na cor avelã dá base à peça. Para marcar a coleção colaborativa, as palmilhas recebem a matrícula Instituto Proeza By Jorge Bischoff.

Se você ficou interessado e quer prometer um dos tênis exclusivos, basta acessar a butique on-line da JB e escolher um bordado personalizado. Na plataforma, é verosímil selecionar uma das quatro opções de estampas artesanais: Rainbow, Ósculo, Flores ou Miçangas.

Um pormenor realçado pela marca é a sugestão do investimento em uma numeração maior, para prometer a ergonomia do resultado. Durante o processo do bordado, é provável que o espaço da segmento interna do calçado seja reduzido, devido ao volume de risca adicionada ao padrão.

Projeto Bordado Solidário
Resultado da união do Instituto Proeza com a marca Jorge Bischoff, o projeto também oferecerá máscaras de proteção em meio à pandemia do novo coronavírus

 

Projeto Bordado Solidário
A ação beneficente recebe a curadoria do estilista Dudu Bertholini

 

Projeto Bordado Solidário
Todos os modelos já estão disponíveis no site da grife Jorge Bischoff

 

Jorge Bischoff/Divulgação
Além de colorirem os pés dos clientes, a vida de quem faz segmento dessa história também ganha novos tons

 

Porquê o processo é artesanal, a label não possui estoque dos produtos. Logo, posteriormente cada compra, é solicitado um tempo de confecção do bordado, que pode levar alguns dias até ser concluído. Por serem peças exclusivas e personalizadas de convénio com o sabor dos clientes, não serão permitidas trocas ou devoluções.

E não para por aí. Porquê brinde aos apoiadores, uma máscara de proteção facial com o mesmo tema bordado irá seguir o par de tênis. Também será incluído, no pedido, um recorte de tecido com o nome da artesã que deu cores à peça.

 

Colaborou Sabrina Pessoa

Por , em 2020-07-01 04:00:00


Natividade www.metropoles.com



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário