Projeto solidário do Inter já mobiliza mais de 1,6 mil trabalhadores autônomos e pequenos empresários – [Blog da Solange Pereira]

Projeto deve facilitar a população mais afetada pelo novo coronavírus

Foto: (Divulgação/S.C.Internacional)

O projeto criado pelo Inter para oferecer a trabalhadores autônomos e a micro e pequenos empresários a oportunidade de divulgarem seus produtos e serviços na plataforma do dedo do clube já cadastrou mais de 1,6 milénio pessoas desde última semana. Segundo o Inter, o objetivo da ação é facilitar a população mais afetada durante a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus.

Inscrita no programa Rede Solidária, talhado a profissionais autônomos sem carteira assinada, a artesã Juliana Barreto vislumbrou no projeto uma forma de aumentar os ganhos no período de recessão econômica que o país está vivendo. “Faço artesanato há muro de três anos, e o que começou porquê lazer, hoje se tornou uma manadeira de renda. Atualmente, realizo vendas on-line e espero que essa ajuda venha em uma boa hora para as ‘Artes da Jú’ e a todos os envolvidos”, diz Juliana.

Já o projeto Todos Presentes, criado para facilitar os micro e pequenos empresários, atraiu a atenção de Jeison Vargas, da Autovar Automóveis, de Sapiranga. O faturamento da loja de carros mantida pela família há mais de 30 anos caiu devido à pandemia. “Ao me cadastrar, pensei em um modo de mostrar a empresa com uma abrangência maior, ampliando as oportunidades de venda, uma vez que milhares de pessoas acessam o site do clube”, revela.

Rafael Jardim, sócio da Cervejaria Rock n’ Bier, também inscreveu o estabelecimento, localizado em Candiota, no Todos Presentes. “Nos interessamos pelo projeto devido ao impacto que sofremos com a queda nas vendas em consequência do Coronavírus. Nosso rendimento diminuiu muro de 90% em relação aos meses anteriores. Ficamos com estoque parado e, consequentemente, sem poder produzir. Certamente, essa ação do Inter irá facilitar na divulgação de nossos produtos e marca, gerando uma expectativa de incremento em nossas vendas”, afirma Rafael.

* Por supervisão de: Marjana Vargas