Solidariedade que protege – Diário da Manhã – [Blog da Solange Pereira]

Foi nas redes sociais que um grupo de mulheres da Igreja Batista Boas Novas, do bairro Santo Antônio em Carazinho, encontrou a inspiração para fazer o muito. Elas viram a publicação que solicitava voluntários para confecção de máscaras para a prevenção ao Coronavírus (Covid-19) e serem doadas para profissionais da saúde e a comunidade em universal e decidiram seguir o exemplo.

A coordenadora dos trabalhos, Luciana Gouveia Conceição, conta que o grupo iniciou com muro de oito participantes e já conta com mais de 30. Os materiais usados na confecção são oriundos de doações das próprias voluntárias e também de membros da comunidade. “Começamos no dia 21 de março e neste período já fizemos 1.513 unidades. A demanda chega até nós por conhecidos. Participo de grupos que possuem enfermeiros, fisioterapeutas e eles tem postado essa urgência. Alguns postos de saúde têm para os servidores, mas não para os pacientes e assim vamos fazendo o material chegar a quem precisa. Dois médicos que atuam na UPA fazem segmento da nossa Igreja e eles também têm nos pretérito esta demanda”, declara.

PARTICIPE DO GRUPO NO WHATSAPP DO DIÁRIO DA MANHÃ DE CARAZINHO

PARTICIPE DO GRUPO NO WHATSAPP DO DIÁRIO DA MANHÃ DE PASSO FUNDO

As mulheres organizaram-se em grupos. Algumas são responsáveis pelo galanteio dos moldes, outras pela costura. Luciana é a responsável pela logística, tanto do fornecimento da material prima para as voluntárias, quanto do fornecimento a quem irá utilizar as máscaras. “Deixo o material com quem corta. Depois levo para aquelas que fazem a costura. Por término fazemos o embalo das máscaras prontas e colocamos junto um cartão com uma termo de ânimo, pois achamos que isso também é importante”, cita.

A coordenadora menciona que todas as voluntárias se sentem gratificadas em poder contribuir de alguma forma com o combate ao Coronavírus. “A maioria das nossas voluntárias é idosa. Elas estavam tristes por conta do isolamento, mas com a prática elas estão alegres por estarem fazendo alguma coisa. Pode ser pouco, mas levante pouco está chegando às pessoas”, salientou.

A confecção de máscaras não deve fechar tão cedo, segundo Luciana. “Não temos teoria de parar. Enquanto tiver esta pandemia vamos produzir”, confirmou.

Quem deseja contribuir com o grupo pode entrar em contato com a coordenação do trabalho, através de Luciana (54-9 8415-9242), Zaira (54-9 9118-0008) ou Luiza (54-9 9160-0647).

LEIA TAMBÉM



Por , em 2020-04-23 17:11:01


Manancial diariodamanha.com



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário