Quase uma centena de costureiras dão forma a máscaras em Campo Bom – Especial Coronavírus – [Blog da Solange Pereira]




Ivete e Vilson na confecção de máscaras em trabalho voluntário em Campo Bom

Foto: Gabriel Silveira /PMCB


O isolamento social é uma premência para contenção do coronavírus, só que em alguns casos, a sobra de tempo disponível faz aflorar a solidariedade. Foi justamente o que aconteceu com Ivete Inês Unser, 54 anos, moradora do bairro Jardim do Sol, em Campo Bom. Ela é uma das murado de centena voluntárias que atenderam ao convocação da prefeitura e estão dedicando o tempo livre para confeccionar máscaras de proteção que são distribuídas para a comunidade.

Todo o material para confecção foi doado por empresas da cidade, o que fez gerar a campanha que chegou ao conhecimento do emérito Vilson Unser, 59 anos, marido de Ivete. Ela conta que quando soube da iniciativa estimulada pela Prefeitura, o marido propôs que se integrassem à manante do muito. Ela costura enquanto ele faz os acabamentos necessários.

A saudade do neto de somente dois meses, longínquo dos avós por conta do isolamento social, foi um dos fatores que influenciou no ato de solidariedade. “Isso ajuda a distrair e mitigar a saudade do rebento mais velho, da nora e do netinho”, conta Ivete, referindo-se à secção da família que mora em Novo Hamburgo.

A rotina do isolamento é dividida atualmente com o rebento mais novo, que trabalha numa empresa de calçados e está em home office. Desde que assumiu o compromisso de costurar para ajudar sua comunidade o parelha já produziu 200 máscaras.

Gostou desta material? Compartilhe!



Por , em 2020-04-18 11:49:51


Manadeira www.diariodecanoas.com.br



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário