Grandes nomes da moda mobilizam fábricas para abastecer hospitais – GQ – [Blog da Solange Pereira]

Louis Vuitton está ativamente produzindo máscaras não-cirúrgicas e aventais em seu ateliê Ready-to-Wear (Foto: Divulgação)

Louis Vuitton está ativamente produzindo máscaras não-cirúrgicas e aventais em seu ateliê Ready-to-Wear (Foto: Divulgação)

Até o início de tarde desta sexta-feira (17), o mundo registrou mais de 2 milhões de casos confirmados de Covid-19 e pouco mais de 149 milénio mortes causadas pela doença. A crise global do novo coronavírus e a velocidade do contágio provocaram falta de suprimentos médicos e sobrecarga dos sistemas de saúde pelo mundo.

+ #GQAplaude: em novidade doação, Djokovic ajuda hospitais da Itália contra coronavírus
+ Máscaras de tecido: cinco marcas brasileiras para comprar a sua

Uma vez que segmento da luta contra a pandemia, grandes nomes da voga mobilizaram suas fábricas e ateliês para produção de macacões hospitalares e máscaras para proteção da equipe médica. A união de esforços é muito importante para combater o surto, portanto veja inferior marcas que anunciaram medidas:

Osklen 

A marca, que firmou parceria com o Instituto Alpargatas, iniciou a produção de máscaras de proteção e jalecos confeccionados com tecidos 100% algodão. Para a proteção dos funcionários, a produção foi totalmente adaptada e remodelada para seguir as recomendações de higiene e distanciamento social orientadas pelos órgãos de saúde. A Osklen já é conhecida por suas iniciativas sustentáveis e pela missão de desenvolvimento de projetos sociais e ambientais.

Grupo Zegna 

Posteriormente anunciar a doação de 3 milhões de euros para a Proteção Social da Itália, a maison reabriu suas fábricas para a produção de roupas hospitalares protetoras para a equipe médica, com o objetivo de produzir 280.000 unidades. Esses esforços ajudarão a fornecer suprimentos urgentemente necessários para a região de Piemonte (250.000 unidades) e Cantão de Ticino (30.000 unidades).

Louis Vuitton 

A grife francesa está ativamente produzindo máscaras não-cirúrgicas e aventais em seu ateliê Ready-to-Wear, localizado na sede da companhia em Paris. Os produtos serão doados aos servidores de seis hospitais do AP-HP (meio hospitalar regional que opera na capital francesa e periferia), responsáveis pelo tratamento de pacientes que testaram positivo para o novo coronavírus.

Acompanha tudo de GQ? Agora você pode ler as edições e matérias exclusivas no Mundo Mais,o app com teor para todos os momentos do seu dia. Baixe agora!

Gostou da nossa material? Clique cá para assinar a nossa newsletter e receba mais conteúdos.



Por , em 2020-04-17 15:48:44


Manancial gq.orbe.com



Clique aqui e saiba mais sobre o Super Kit de Moldes + Curso de Costura do Zero. Clicando agora você ganha mini kit gratuito para imprimir + aula grátis.

Deixe um comentário